sexta-feira, 30 de julho de 2010

E então veio Lola

Escrito por Ellen Seidler e Megan Siler o longa trás uma versão lés do filme alemão de 1998 “Corra, Lola. Corra!”.

O título original do filme “And Then Came Lola”  AndThenCameLola2 com estréia em 2009, conta um dia, logicamente, de Lola. Uma fotógrafa lésbica, interpretada por Ashleigh Sumner, que tem um sério problema com horários, e sofre pra ser pontual, principalmente em curtos períodos. E o conflito da história, acaba sendo a dificuldade que tem para conseguir entregar um envelope para sua namorada à tempo. Assim fica em jogo a sua vida amorosa e a vida profissional de sua namorada.

O filme tem praticamente só mulheres, e mulheres lésbicas. Até a policial que apreende seu carro é. Afinal, o tanto de homens que aparece, da pra contar nos dedos, por cima contei 5, sendo que dois deles eram gays.

Lola tem 3 chances, o que também acontece no filme alemão, só que para acordar, atravessar toda a cidade e encontrar sua namorada, que está em uma “reunião” de trabalho, com outra mulher. Mas mesmo a história sendo contada tantas vezes, o filme não fica chato, e sempre seus acontecimentos são alterados, porém com o mesmo objetivo.

Os eventos são realizados com bastante música, uma das coisas mais legais do filme é a trilha sonora, que também é feminina. São músicas bem atuais que expressam e acompanham muito bem os fatos.

Outro fator bem interessante e legal do filme, são as animações. Em alguns momentos do filme, Lola toma a forma de desenho, e por poucos minutos cria algumas situações, que por sinal muito bem feitas. lola_cast_web

É bem isso, eu gostei bastante. Poderia até te-lo encaixado na sessão de recomendações, mas não achei conveniente. E apesar de ter gostado, no começo achei que seria um filme chato, rolou um certo preconceito sim, mas no desenrolar da história mudei de idéia, e com razão. O que foi bem rápido. Afinal, o filme tem apenas 71 minutos.

Um comentário:

Fast Girl disse...

http://buskfilms.com/films/and-then-came-lola-portuguese/